<$BlogRSDURL$>

terça-feira, agosto 15, 2006

Leão e outros bichos 

Diego Corneta

Leão é o novo técnico do Corinthians. Autoritário, egocêntrico, centralizador e irascível são alguns adjetivos que acompanham o técnico. Capaz de montar belos times, mas também capaz de contratar Marcelo Peabiru, Doni, Diego Tardelli e outros micos. Foi bem no Santos e no São Paulo. Afundou no Japão e no Palmeiras; fazia campanha medíocre no São Caetano.

Muitos dizem que é o homem certo para o Corinthians. Veremos. No Corinthians, por culpa da diretoria, tudo é mais difícil. O comando executivo por lá é uma zona. Kia tem a grana, mas Dualib tem boa parte da diretoria ao seu lado. Se fora de campo os problemas atrapalham e interferem; dentro de campo, as notícias também não são nada animadoras.

O elenco do Corinthians tem sérias deficiências. Faltou planejamento e contrataram muito mal. O time tem cinco goleiros (Bruno, Johnny Herrera, Silvio Luiz, Marcelo e Julio Cesar) e apenas dois atacantes (Tevez e Rafaeal Moura). Os zagueiros e os laterais são péssimos, muito ruins mesmo, bem abaixo da média. Há dois bons volantes (Mascherano e Marcelo Mattos) e mais dois “meia-boca” (Paulo Almeida e Rosinei). Os meias também são um problema sério. Roger e Ricardinho não querem jogar. Carlos Alberto tenta, mas tropeça nas suas próprias limitações. Renato e Ramón ainda são apenas promessas. Em síntese, Leão vai ter muito trabalho.

Mudam as moscas, mas a merda...
Pois foi que a surpresa me tomou de assalto ao ler no jornal, estupefato, o nome do chefe da delegação brasileira que embarcou à Noruega. O distinto senhor atende pelo pomposo nome de Eduardo Vianna, também conhecido pela alcunha de “Caixa d'Água”.

Seu currículo impressiona, Caixa d'Água preside a Federação de Futebol do Rio de Janeiro há muitos anos, coincidentemente são os anos que resultaram na derrocada do futebol carioca. Ele é amigo íntimo de Eurico Miranda e Ricardo Teixeira, dois nomes que dispensam comentários.

Afastado da presidência em outubro de 2004 em razão das denúncias do Ministério Público por conta de um esquema de evasão de renda na entidade e enriquecimento ilícito, Caixa d'Água disse a rádios que "voltaria à presidência da Ferj em até 30 dias, quando esperava se recuperar e obter vitória judicial".

À época, Caixa d'Água esbravejou: "O presidente da Ferj sou eu. Não vou perder em Brasília (Supremo Tribunal Federal) de jeito algum”. A morosidade da justiça brasileira é notória. Assim como também é notória a sua complacência com políticos, brancos e endinheirados. Caixa d'Água encaixa-se nas três categorias. Voltou à presidência da Ferj no início desse ano. Não voltou sozinho, todos os seus diretores também recuperaram os cargos. Tudo isso por causa de uma manobra jurídica, um efeito suspensivo concedido pelo juiz Paulo Fragoso, da 7ª Vara, que substitui Márcia Cunha, responsável pela sentença que afastou Viana da entidade.

E não é que a picardia do nosso intrépido Caixa d'Água foi premiada? No Brasil há uma curiosa tradição em se premiar corruptos, delatores e outros crápulas que compõe nossa exótica fauna. Ricardo Teixeira realmente comanda a CBF com mão-de-ferro, seu poder parece crescer a cada dia. Escalou Dunga, seu pupilo e garoto-de-recados, na seleção. E para chefiar a delegação, chamou seu fiel amigo, Caixa d'Água. Em nossa triste e curta história, parece que sempre quando damos um passo à frente, retroagimos com outros quatro passos para trás.

Cessar-fogo
Depois de aniquilar o Líbano, destruindo aeroportos, estradas, pontes, hospitais, prédios públicos, reservatórios de água, indústrias e vitimando milhares de vidas humanas. Isreal decidiu acatar o cessar-fogo pedido pela ONU. Cessou no Líbano e volta seus canhões para seu alvo preferido: a Faixa de Gaza. Sob o pretexto de “destruir bases terroristas”, Israel bombardeia bairros residenciais. E assim, a turnê mundial do Apocalipse, que recentemente já passou por Afeganistão, Iraque e Líbano, retorna ao seu palco habitual, a Faixa de Gaza.

PCC manda recado
É nóis na fita, mano! Agora sim o jargão que saiu das ruas paulistanas começa a fazer sentido. O seqüestro do repórter e a transmissão da gravação abrem um precedente seríssimo. Isso pode virar rotina em nossas vidas. E assim como acontece em epidemias de dengue, onde os culpados são sempre os mosquitos e nunca a péssima condição da saúde pública; com o PCC é a mesma coisa, os culpados são sempre os bandidos (muitos deles JÁ ESTÃO PRESOS!) e nunca a falência das instituições públicas de segurança.

Me engana que eu gosto
Peço um minuto de reflexão. Marcola está preso desde 1999, ou seja, sete anos. Já está claro que ele tem influência sobre demais presos e sobre o PCC. Mas daí para a liderança geral é uma distância muito grande. Pensem. Vocês acreditam que o líder máximo estaria preso? Ainda mais numa organização composta por bandidos, onde uns se acham mais espertos do que outros e muitos outros querem apenas mais poder e dinheiro, custe o que custar. Repito a pergunta: Vocês realmente acham que o líder supremo manteria sua liderança mesmo depois de tanto tempo longe das ruas? É claro que não!!! Os políticos falam que o Marcola é o líder. E tentam vender a idéia que o líder está preso. Tipo: “Estão vendo? Prendemos o líder deles”. Mas acontece que essa invencionice não cola mais. Se o cara está preso, como é que o PCC continua cada vez mais forte e atuante? Seria apenas pelo celular? Me engana que eu gosto. Marcola é importante no PCC, mas os líderes estão nas ruas, soltos e armados. Pensem nisso.

Rir para não chorar
Última notícia, direto da redação. O Corinthians acaba de contratar os irmãos Cravinhos, dois atacantes que vão resolver os problemas do time, vão “matar a pau”.

Caravana tricolor
Muitos torcedores do São Paulo acreditam (e por que não deveriam?) que o time vai reverter a situação e vai levar a Libertadores. Todos os ingressos reservados aos torcedores são-paulinos já foram vendidos. Muitos torcedores, inclusive, já estão em Porto Alegre. Confiram abaixo o típico torcedor são-paulino, muito à vontade em Porto Alegre, um cidade com fama de ter uma grande população, digamos, liberal.

Olhem só a desenvoltura do barbudão, sem palavras!

1 Comentários:

Bambis + Gaúchos. Praticamente juntou a fome com a vontade de comer. Ui!

By Anonymous Anselmo Trompete, at terça-feira, 15 agosto, 2006  

Post a Comment

1 Cornetadas

This page is powered by Blogger. Isn't yours?